Esteira Elétrica Jejum

Já é sabido de todos que a prática de exercícios em esteira proporciona inúmeras vantagens e benefícios para o corpo. Além de manter a boa forma, caminhar ou correr em uma esteira faz bem para o coração e também para o sistema respiratório. É um exercício ideal tanto para pessoas que almejam queimar calorias, como também para atletas já experientes que pretendem melhorar a sua performance.

No entanto, apesar das notórias vantagens dessa prática de exercícios, muitas pessoas possuem uma dúvida:
Correr ou caminhar em jejum em uma esteira faz bem para a saúde?
Muita gente treina em jejum com o objetivo de aumentar a queima de gordura ou, até mesmo, por questões de horário dispensam o café da manhã. Porém, realizar exercícios em jejum não funciona para todas as pessoas.

Detalhes

Além disso, é fato que durante o jejum a gordura é disponibilizada para a queima e fornecimento de energia para o corpo, porém todo esse processo possui um limite e, em um determinado ponto, o corpo passa a usar massa muscular para proporcionar energia durante o exercício.

Dependendo do tipo de treinamento ou modalidade, a prática de esforços físicos com o estômago vazio de forma exagerada e sem a orientação de um profissional no assunto pode acarretar hipoglicemia, que é um transtorno provocado devido ao baixo nível de glicose no sangue.

Musculação em jejum, por exemplo, não irá definir e nem tonificar a estrutura muscular do corpo. Pelo contrário, o esforço em jejum irá danificar os músculos e fará o organismo armazenar gordura nas laterais do abdômen, gerando assim os populares “pneuzinhos”.

O que é ideal para fazer então?

O ideal é comer uma ou duas horas antes da prática de exercícios. Caso isso não seja possível, é aconselhável o consumo de algum carboidrato, de preferência que o carboidrato seja de médio índice glicêmico. Tal alimento fortalece o organismo com energia necessária para suportar a carga de esforço, sem acarretar danos na saúde do corpo.

As proteínas também são válidas para fortalecer o organismo durante os exercícios.
Portanto, a melhor dica para fazer exercícios e perder peso (sem perder saúde) é evitar correr ou caminhar na esteira em completo jejum.

Cotação Esteiras Elétricas

Preço
Varejistas
Consultar Preço
Netshoes Esteira Elétrica Jejum
Consultar Preço
ricardo eletro Esteira Elétrica Jejum
Consultar Preço
insinuante logo Esteira Elétrica Jejum
Consultar Preço
centauro Esteira Elétrica Jejum
Consultar Preço
extra logo Esteira Elétrica Jejum
Consultar Preço
casas bahia logo Esteira Elétrica Jejum
Consultar Preço
Walmart Esteira Elétrica Jejum
Consultar Preço
Kanui1 Esteira Elétrica Jejum
Consultar Preço
efacil logo Esteira Elétrica Jejum
Consultar Preço
citylar logo Esteira Elétrica Jejum

Esteira Dor Panturrilha

Com os principais músculos (sóleo e gastrocnêmio) funcionando como um “amortecedor” durante os exercícios em esteira, a panturrilha é um grupo muscular que pode ficar em fadiga quando o indivíduo exagera nas atividades físicas ou “pega pesado demais” naquele treino. O problema se caracteriza pela forte dor na panturrilha, que pode ficar dura como uma pedra ou causar a sensação de estar muito pesada, além de fisgadas.

Às vezes, o problema pode se tratar apenas de um desconforto causado pelo exagero em relação aos exercícios. No entanto, a dor na panturrilha também pode ter consequências mais graves quando se trata de um indicativo de lesão causada pelo treinamento muito intenso e repetitivo. Alguns especialistas dizem que as dores podem surgir, também, devido à deficiência de sódio no organismo, já que as atividades, como as corridas, acarretam na perda de sais minerais.

Como prevenir a dor na panturrilha?

Caso você tenha sentido dor na panturrilha após os exercícios na esteira, você pode utilizar compressas de gelo para aliviar o incômodo. Porém, o ideal, quando isso acontece, é que você tenha acesso à massagem esportiva e sessões de alongamento por, pelo menos, 3 vezes na semana.

Para eliminar o problema de vez é essencial praticar atividades de musculação para fortalecer os músculos da panturrilha. A dica, no entanto, só vale para os que não apresentam lesões nesse grupo muscular. Se alimentar bem, estar sempre hidratado durante as atividades físicas e descansar de forma adequada após os treinos são outras atitudes que ajudam a combater o problema.

O que causa o problema?

A panturrilha agrupa os principais músculos de sua região. Assim, quando esses músculos se encontram em situação de fadiga, a dor na panturrilha é um sinal de que as coisas não vão bem por ali. Por isso, é normal que as dores e cãibras (fisgadas) na panturrilha surjam na região quando o indivíduo não se alongou de forma correta ou não possui condicionamento físico para as atividades que fez.

Na esteira, o que pode causar as dores na panturrilha é pegar pesado demais nos treinos e abusar da capacidade do próprio corpo, realizando treinamentos intensos e sem respeitar o período de descanso.

Cotações Esteiras Elétricas

Preço
Varejistas
Consultar Preço
Netshoes Esteira Dor Panturrilha
Consultar Preço
ricardo eletro Esteira Dor Panturrilha
Consultar Preço
insinuante logo Esteira Dor Panturrilha
Consultar Preço
centauro Esteira Dor Panturrilha
Consultar Preço
extra logo Esteira Dor Panturrilha
Consultar Preço
casas bahia logo Esteira Dor Panturrilha
Consultar Preço
Walmart Esteira Dor Panturrilha
Consultar Preço
Kanui1 Esteira Dor Panturrilha
Consultar Preço
efacil logo Esteira Dor Panturrilha
Consultar Preço
citylar logo Esteira Dor Panturrilha

Esteira Dor no Joelho

Um dos problemas mais comuns entre os corredores, tanto profissionais quanto amadores, são as dores no joelho. Dado o impacto do exercício, a incidência de problemas nessa região é maior entre os atletas. Por isso, a reclamação bem frequente de quem se exercita é resultado da condropatia patelar e pode afetar um ou ambos os joelhos. Tal condição, também chamada de condromalácea patelar, é definida como um processo degenerativo da cartilagem que envolve a patela e côndilos femorais. As fissuras e erosões dessa cartilagem acontecem 4 vezes mais em mulheres do que em homens. Apesar de não ter uma causa definida, gestos repetitivos, sobrecarga e impacto no joelho são fatores de risco, bem como a fraqueza muscular no quadríceps.

Impactos

Por causar menor impacto em comparação com as atividades no solo, a caminhada ou corrida na esteira, desde que orientada por um instrutor, é recomendada. O aparelho é uma boa alternativa que pode ser incorporada na rotina de exercícios após o término das sessões de fisioterapia prescritas. Como resultado dessas duas medidas, a musculatura e as articulações ficam fortalecidas. Portanto, os joelhos conseguem absorver melhor o choque e a chance de lesões é reduzida.

Detalhes

Mesmo com o impacto menor, ainda é fundamental que se observe algumas recomendações dos especialistas para evitar machucar-se na esteira. Por exemplo, hora da passada, a primeira parte do pé a tocar na lona tem de ser o calcanhar. Esse movimento cíclico preserva as articulações e aumenta o desempenho na corrida, ou seja, a probabilidade de sentir desconforto nos joelhos diminui significativamente. Nunca dispense os tênis adequados para o exercício, com um bom sistema de amortecimento. É importante ressaltar que eles devem ser trocados com regularidade para que o solado não fique muito desgastado e perca a eficácia.

Outra dica inspirada nos corredores profissionais é manter a passada tão horizontal quanto for possível, isto é, não dar passos largos demais ou altos. Além de acelerar o ritmo, esse cuidado também protege a cartilagem do joelho de um peso desnecessário. Os hábitos aqui descritos são fáceis de serem introduzidos à sua corrida na esteira e certamente contribuirão para o seu bem-estar.

Cotação de Esteiras Elétricas

Preço
Varejistas
Consultar Preço
Netshoes Esteira Dor no Joelho
Consultar Preço
ricardo eletro Esteira Dor no Joelho
Consultar Preço
insinuante logo Esteira Dor no Joelho
Consultar Preço
centauro Esteira Dor no Joelho
Consultar Preço
extra logo Esteira Dor no Joelho
Consultar Preço
casas bahia logo Esteira Dor no Joelho
Consultar Preço
Walmart Esteira Dor no Joelho
Consultar Preço
Kanui1 Esteira Dor no Joelho
Consultar Preço
efacil logo Esteira Dor no Joelho
Consultar Preço
citylar logo Esteira Dor no Joelho


esteira dor joelho 300x225 Esteira Dor no Joelho

Esteira Desregulada

Esteira desregulada: como regular a velocidade do motor?

Quando se tem uma esteira em casa, alguns cuidados são necessários para que ela aumente sua vida útil. No entanto, algumas manutenções são essenciais, principalmente quando a velocidade do motor está irregular. Isso pode acontecer por vários fatores e você vai saber agora quais são, para que possa prestar atenção nos cuidados e assim evitar que ela vá para o conserto.

O desgaste do motor pode ocorrer porque, quando você liga a esteira, já está pisando diretamente na lona. Isso não pode acontecer, pois o motor precisa fazer um esforço maior para funcionar quando você coloca todo o peso em cima. Logo, é preciso pisar nas laterais (na carenagem), ligar a esteira e então começar a se exercitar.

A limpeza também é importante, pois ela evita que a sujeira vá parar no motor. Outro ponto importante é lubrificar a esteira com silicone específico para tal fim.

Cotação Esteiras Elétricas

Preço
Varejistas
Consultar Preço
Netshoes Esteira Desregulada
Consultar Preço
ricardo eletro Esteira Desregulada
Consultar Preço
insinuante logo Esteira Desregulada
Consultar Preço
centauro Esteira Desregulada
Consultar Preço
extra logo Esteira Desregulada
Consultar Preço
casas bahia logo Esteira Desregulada
Consultar Preço
Walmart Esteira Desregulada
Consultar Preço
Kanui1 Esteira Desregulada
Consultar Preço
efacil logo Esteira Desregulada
Consultar Preço
citylar logo Esteira Desregulada

Mas o motor da minha esteira já está desregulado. O que fazer?

Nestes casos, o certo é levar para uma assistência técnica autorizada. Dependendo do modelo, a esteira pode utilizar um inversor de frequência, peça que trabalha diretamente com o motor. Se mesmo após a limpeza e manutenção o problema continuar, pode ser que esta peça esteja comprometida. Para quem entende de elétrica, na internet é possível encontrar motores para esteira à venda, isso se valer a pena trocar.

Quando há problemas nas placas, muitos eletricistas conseguem montar circuitos que possam substituir o antigo, mas isso se seu objetivo for economizar na hora do conserto.

Detalhes

Para quem quer ter uma esteira e mantê-la a longo prazo, o recomendado é fazer revisão com técnico a cada seis meses ou um ano, dependendo da frequência de uso. Se sua esteira está na garantia, você pode solicitar a troca de peças sem custo. Por isso, aventurar-se com a parte elétrica pode ser arriscado, principalmente se não há conhecimento técnico a respeito da montagem.

Empresas, como academias, podem contar com manutenções agendadas de equipes técnicas, já que o uso de esteiras é bem maior. Consulte um especialista para entender o problema e, em caso de dúvidas, solicite um eletricista para ajustar.
esteira duas vezes ao dia 300x187 Esteira Desregulada