Alongamento – Dicas

Sabe quando você acorda todo dolorido e parece que suas articulações estão todas se quebrando? Pois é, essa sensação desagradável é a falta de alongamento a longo prazo. O alongamento é uma forma de deixar seu corpo mais flexível e na medida para você senti-lo mais leve, livre e com o corpo mais preparado para a atividade física.

Mas o alongamento não é só perfeito na hora de fazer exercícios físicos, o alongamento deixa o corpo mais preparado para correr, saltar, mexer articulações importantes como joelhos e cotovelos e deixa o corpo mais mole, mais leve e flexível para fazer qualquer atividade durante o dia e a noite.

Neste artigo, vamos dar dicas de como você pode fazer um alongamento eficiente em casa ou em qualquer lugar, seguindo quatro dicas infalíveis e excelentes para você estar com seu corpo sempre em dia, bem articulado e do jeito que você precisa e quer para sua saúde estar na medida certa.

1- Respire e expire

Para um alongamento eficiente, nada de respirar e ficar segurando o ar, enquanto faz o alongamento. Respire calmamente e expire enquanto faz o alongamento. O importante é que essa respiração e expiração sejam constantes, porém realizadas devagar, enchendo bem os pulmões e soltando bem devagar pelas narinas ou pela boca.

A respiração ajuda muito na hora de fazer alongamento, pois o oxigênio entra nos pulmões e faz o sangue ficar mais rápido e constante nas artérias e veias. Ajuda a deixar as articulações mais flexíveis e fortalecidas e, de quebra, você se sente mais calma. Se sua respiração e expiração for muito rápida, você pode estar muito tensa, e nessa hora é bom parar e tentar relaxar.
alongamento

2- Se sentir dor, passou do ponto

Cuidado na hora de fazer alongamento, principalmente quem está começando. Sempre alongue bem um músculo, mas até deixá-lo tenso e depois pare. Se começar a sentir uma dorzinha é hora de parar.

A dor demonstra que você já passou do limite daquele músculo, principalmente quando está começando a fazer exercícios. Sempre vá até onde seu corpo suporta e conforme ele for ficando mais flexível, comece a aumentar a força e resistência sobre ele, mas sempre com cuidado para não passar do ponto.

3- Relaxe!

O relaxamento é importante em qualquer tipo de esporte, pois se seu corpo estiver muito tenso, as chances dele sofrer lesões são muito maiores. Deixe o corpo bem relaxado, deixando cada músculo e articulação bem descontraídos para poder fazer o alongamento com segurança e eficiência, evitando lesões e problemas nas articulações e cartilagens dos joelhos, por exemplo.

4- Mantenha a Posição

Faça o alongamento tensionando cada músculo, mas não passe do limite fazendo estiramentos que só causam problemas ao invés de soluções. Quanto mais estiramento você fizer, maiores as chances de lesões e problemas.

Algumas pessoas costumam balançar e dar pulos ou impulsos, tudo isso são técnicas que dão mais problemas do que soluções. Mantenha a posição do corpo e faça apenas o alongamento normal e básico, indo depois direto para a atividade física habitual. Evite lesões!

Veja abaixo uma contribuição.