Programa Para Ganho de Massa Muscular

Para conseguir um bom ganho de força e massa, aliando os músculos com uma boa saúde, é necessário ter atenção com o treinamento e a alimentação. Estes dois fatores são essenciais para que os resultados sejam mais rápidos e efetivos.
Um treinamento de força deve ser acompanhado minuciosamente pela alimentação balanceada, com nutrientes e carboidratos que satisfaçam a reposição de energia dos músculos. Sem isso, os resultados da massa magra são mínimos.
Por isso, deve-se ter em mente três fatores básicos para o crescimento da massa corporal magra. O fator orgânico, ou genético, é um dos mais importantes. O módulo corporal, ou seja, o biótipo também tem influência nos resultados, e por último, os hormônios – responsáveis por diversas funções metabólicas.
O fator orgânico, o primeiro deles, apresenta diferenças nas fibras dos músculos. Esse fator diferencial irá determinar quanto tempo de recuperação e crescimento terão os seus músculos. Uma fibra que tenha a contração de maneira rápida terá a resposta mais eficiente, com mais força.
O biótipo representa o formato e a constituição natural do seu corpo. Algumas pessoas magras já possuem uma estrutura pronta para o crescimento dos músculos, outras não possuem essa constituição. A largura ou comprimento dos seus membros inferiores e superiores terá influência no processo de treinamento.

Cotação
Varejista
Consultar Preço
Image
Consultar Preço
Image
Consultar Preço
Image
Consultar Preço
Image
Consultar Preço
Image
Consultar Preço
Image
Os hormônios realizam a aceleração da constituição física. O metabolismo tem uma forma de processar as informações, e essas se dão de maneira mais efetiva quando os hormônios são favoráveis, como por exemplo, a testosterona.
Mesmo que o processo seja demorado, no início um pouco mais rápido, a expectativa é que, mensalmente, você adquira até um por cento do seu peso em musculatura magra.
Para que as informações anteriores tenham efeito, a alimentação é o mais importante. Não comer o suficiente é a pior opção para um treinamento visando massa magra. Geralmente são duas mil e quinhentas calorias para o resultado de quatrocentos e cinquenta gramas de massa magra. Consumir a mais é aceitável, pois o metabolismo corporal necessita de mais energia para realizar os trabalhos.

6 thoughts on “Programa Para Ganho de Massa Muscular

  1. Jessica chagas says:

    Olá tenho 1,55 e peso 47 kg gostaria de uma dieta para ganho de massa muscular!Obs:Faço academia à 1 ano e tomo whey proteín!Me ajudem

  2. Fernanda Sales says:

    Bom, tenho 1,61 peso 54 ,tenho 22 anoos, to no peso normal , mas me acho gorda, tenhos culotes e acho horrivel, faço caminhada alguns dias na semana,até gosto. vejo q me dá disposição e tdo mais, meu maior erro são as refeicoes que nao consigo controlar mto, meu mal é a noite q como demais, e nao gosto mto de academia, prefiro algo mais livre, me ajudeemmm. Obrigada

  3. Gabriel says:

    tenho 1,82 e peso 55 eu como pra caramba num deixo de fazer nenhuma das refeiçoes e engordo 1k por ano e não faço academia e tomo remédios para me dar fome. Por favor me ajudem !

  4. Danielle Martins oliveira says:

    eu tenho 14 anos estou muito abaixo do peso tenho 1,65 e peso apenas 44kg começei uma dieta hoje pra criar massa muscular mas nao estou tomando suplementos so o que eles mandaram eu comer mas tem so um problema eu nao frequento a academia.Se eu continuar fasendo essa dieta de massa muscular sem suplementos e sem academia eu posso ganhar massa muscular?

  5. renato alves says:

    eu ja to a um ano malhando e n consigo mais ganhar peso ja ganhei nesse ano 10k de 66 para 76 mais para neste peso fais 3 meses tenho 1.85 metros 76 kilos e me alimento bem comida e suplemento massa amino full e zma o que eu faso me ajuda por favor um abraço ate

Comentários não permitidos.