Joelho: Dores e Avaliação

Malhação, alimentação balanceada, hábitos de vida saudáveis e muita disposição para enfrentar a rotina diária e ficar de bem com o espelho o ano todo. Na busca incansável pela saúde e pelo corpo idealizado, ou ainda melhor, pela combinação de ambos, é favorável priorizar a perfeição com moderação, disciplina e orientação adequada. Exagerar, muitas vezes, pode trazer graves efeitos para o corpo e para a mente.

Detalhes

Na onda da atualidade e do corpo esculpido, em que a corrida virou mania por se tratar de um esporte a baixo custo, que ajuda a emagrecer e delinear o corpo, e que praticamente depende apenas da vontade de cada pessoa, a busca aumentou constantemente e ganhou novos adeptos da modalidade. Afinal, a corrida é um treino que pode ser praticado nos ambientes fechados das academias, nas ruas, canaletas, calçadões, parques e praias para os admiradores da natureza e do ar puro. Assim, novos atletas amadores e profissionais surgem acirradamente, e quem realmente sofre com tanto impacto são os joelhos e articulações. Por isso, corredores de plantão e com frequência, atenção para não exagerar na quilometragem e acabar se prejudicando e tendo que sair de mansinho das competições e maratonas.

dor joelho

Dores

O motivo da dor do joelho deve ser levado em conta e analisado por especialistas da área de saúde e do esporte. Compressas com bolsas e muito gelo ajudam, mas com joelho não se brinca, pois como dizem: é a pior área a ser lesionada, pois a recuperação plena é difícil. Sendo assim, atenção aos movimentos realizados na hora de correr e trotar, ficando sempre atento e observando os sinais do corpo, pois nada dói por acaso e alívio imediato com analgésico não é para a vida toda. Precisa, sim, ser feita uma avaliação para se certificar se a dor é recente ou se já persiste e se é intensificada com a prática constante da atividade física de alto impacto.

Avaliação

Depois da avaliação feita, não adianta fugir. É melhor estar prevenido do que ter que ficar parado por meses fazendo apenas fisioterapia ou outras práticas esportivas que recuperam e fortalecem a musculatura. Neste momento, vale se lembrar de alguns casos de atletas que se machucaram e nunca mais conseguiram ter o mesmo rendimento seja no futebol, vôlei, basquete. Muitas carreiras são rompidas por lesões no meio esportivo.

Da brincadeira à realidade, para as dores que comprovadamente se relacionam com o excesso de atividade física, algumas dicas podem amenizar os sintomas como: fazer aquecimento antes de se exercitar e não esquecer de alongar todos os músculos, alternar ou substituir a corrida por outras atividades como bicicleta, caminhadas, natação e hidroginástica. Caso a paixão pela corrida seja maior e resolva insistir na corrida, a preferência é para os lugares planos, sem inclinações.

Atenção para quem estiver acima do peso e quiser sair correndo, pois a corrida neste caso é um veneno, assim como não utilizar tênis apropriado para a prática da modalidade, ou seja, na hora de correr não é a moda que conta, e sim o melhor sistema de amortecimento. Afinal, ai se os meus joelhos não doessem mais.